VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

sábado, 24 de setembro de 2011

BEM VINDA PRIMAVERA


Sol quentinho, banhando as almas
Brisa fresca que vem e acalma
Folhas verdes, tenras, surgindo
De tosco caule de plantas
Onde timidas florzinhas despontam
Revoada de pássaros brincando pelo ar
Primavera ressurgindo
A cada segundo a terra florindo
É tão mágico o florescer
Tudo é colorido a cada amanhecer
Crianças sorrindo, com brilho no olhar
Cheiro de terra, plantinhas crescendo
Peroladas de orvalho nos galhos pequenos
Primavera é luz, é amor e alegria
Encantada e florida, perfume de poesia
Inspira meus versos, rascunhos no papel
Nuvens brancas e fofas deslizam pelo céu
Bem vinda primavera, que a tudo dá cor
Te abraço inteira, te esperava com amor
Eis que surge do infinito, num voo tão bonito
O beija-flor, que em toda primavera
Vem apressadinho, beijar a sua flor.

Arlette Santos

sábado, 17 de setembro de 2011

Estrada da Vida





Na inquietude da vida
Os passos largos se vão,
Sem direção e rumo incerto
A procura de algo que se perdeu
Nos caminhos da vida
A felicidade existiu, sim!
Mas foi muito tempo atrás,
Tempos longínquos
Daquelas tardes de verão,
Onde a beleza das flores,
O canto dos pássaros
O suave cheiro das manhãs
Traziam na relva o sonho dourado
De certezas de um amor
Que jurava ser para sempre
Mas a vida mudou o rumo dos sentimentos
e tudo se desfez, cada um seguiu seu destino
Nesta grande estrada da vida.



Maria Bonita e Poesia

Bonecas




  
Bonecas

Podem ser brancas, negras, ruivas ou loiras
Depende do bom gosto de cada um que as têm...
Assim, são os amigas, não importa a cor, mas sim o coração
De alma transparente que emana calor humano
Bonecas de pano,
Bonecas de carne,
Apenas bonecas...
Porém, cada uma com sua singela beleza
O que faz a diferença é quem as possui...
Que guarda com carinho, em um cantinho especial
Que se torna confidente nos momentos de alegria
E por muitas vezes nos momentos de tristezas
São encharcadas de lágrimas
Ouvindo os lamentos de solidão
Permanecem silenciosamente...
Bonecas
Guardam segredos que são desvendados no fundo
Da alma de cada um.

Maria Bonita e Poesia

Hoje
Estou irritada com a vida
Com meus sonhos frustrados
Com minha inocência perdida.
A gente sonha uma coisa
E a vida te traz outra
Realidade
Nua e crua,
Fria como uma pedra.
Amigos
Um dia eu  os tive
Éramos quase inseparáveis
Mas o destino fez cada um
Seguir o seu caminho

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

AMOR CORRESPONDIDO




Há quanto tempo te espero

Com este amor que foi sempre sincero

Hoje é um dia feliz

Você se revelou meu amor

Dizendo que sempre me quis.


Coração explode no peito

O mundo ficou quase perfeito

O sol brilha muito mais

E a vida é de paz


Meu amor é correspondido

Nunca antes foi vivido

Nossos caminhos eram desiguais

Agora seremos felizes

Curados de todas as cicatrizes

Tristezas são pássaros soltos

Que não voltam nunca mais


Arlette Santos

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

ESTRÊLAS


Quando olhei em teu olhar

Vi um brilho de prazer

De novo eu quis acreditar

Na esperança

E deixar

O sonho acontecer


A luz de um renascer

Ilumina ao redor

Tentemos fazer tudo por nós

Enquanto a ilusão permanecer


Já não estamos tão sós

A verdade sem quimeras

Se revela

A emoção em mil chamas

Se desvela

O amor é uma canção

De ternura e prazer

Despertando fantasias

No silêncio desta noite

Nossos corpos em açoite

Estrelas brilharão

Por todo o amanhecer


Arlette Santos

domingo, 4 de setembro de 2011

E-BOOK MENINAS SUPER POÉTICAS PELA EDITORA BECO DOS POETAS

É com muito orgulho que apresento á vocês As Meninas Super Poéticas.
Um E-book especial com as poesias dessas escritoras maravilhosas, todas já publicaram seus textos em Antologias  e algumas com Livro solo publicados pelo G.E.  Beco dos Poetas& Escritores Ltda.

Um frase das poesias de cada uma delas para você apreciar o talento dessas meninas.

Arlette Santos


 “... Pois a cigana lhe era proibida.
E a bela mulher, girando, girando, dançando,
Não se permitia amar... sonhar... somente dançar.”











Eglê Santos Machado


 “... Agora que procuras meu abrigo,
       Negando a contragosto eu te digo:
      É tarde, estou feliz, deixei de amar-te...”


Elizaete Ribeiro



 ...”Na vida já tropecei na caminhada,
mas nessa mesma vida aprendi
 a levantar e seguir em frente
vivendo cada dia de uma forma especial.”

                                                                Eudália Alves Martins


                                                              “Ah! Como é bom se sentir assim...                                                               Ficar em harmonia com a vida!
                                                               Hoje quero brincar de ser feliz!”





                                                      
Genha Auga


 “...O tempo se vai nesse cenário
que tem a magia de nunca ser o mesmo,
 pois a cada momento, a cada olhar,
surgem movimentos que desfaz tudo.”

                                                             Isabel C. S. Vargas
                                                              “...Estou a te esperar
                                                                Chega de mansinho
                                                                Um abraço vem me dar
                                                               Para a saudade aplacar”

Lucia Helena


 “...Hoje, mais do que qualquer coisa,
Quisera estar nos braços de um anjo!
Abraço lenitivo para os meus tormentos.
Para um coração ferido, a cura..”


                                                                Maria Bonita e Poesia

                                                                “...Escritoras,
                                                                Poetisas,
                                                                Autoras,
                                                               Cada um dá-se um nome
                                                              O que importa é que elas
                                                             São como as rosas, têm seu brilho próprio.”


Marilda Corrêa

“...De carona nas ondas da tecnologia
Fazendo deste dom minha arte
Minha magia... Sem limites para sonhar
Viajo nas asas da poesia.”


                                                             Mírian  Wartusch

                                                            “... Tenho a certeza que nada nos afastará...
                                                           É longo o caminho que temos, lado a lado.
                                                           E os desalentos, por certo, não irão contar,
                                                           Serão quimeras no caminho já trilhado.”




Neuza Nissen

“....Quero janelas de sorrisos espontâneos
Portas de abraços profundos
Quero o mundo inflado de mel
Perfumando o ar de Amor! “


                                                                                Núbia Cardoso


                                                                                  “...Sou o querer ficar
                                                                                 sem tempo pra despedida.
                                                                                 Minha única culpa
                                                                                 foi te amar sem medidas! “


Terezinha Cunegundes

“A vida ressurge a cada dia...
No recolher do véu da noite
Surge a claridade que ilumina a tudo.”


                                                                             Valvesta

                                                                               “... É tempo de profundo mergulhar

                                                                                       confrontar medos e incertezas

                                                                         descobrisse ser em constante evolução”




Zanna Santos

“... Por onde andará o amor
Que abriu portas,
Quebrou corrente,
Libertou os sonhos...”