VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

domingo, 19 de fevereiro de 2012

CALOR HUMANO



Hoje
caminhei pela velha casa
onde os sonhos eram reais
viajei em meus pensamentos
deixando-me levar...
pude sentir novamente
o calor do sol adentrando
a janela da sala
pude sentir o cheiro da laranjeira
 no fundo do quintal
as flores na floreira da sacada
tinham uma cor especial
nas tardes de verão
adorava ver os gerânios
florescendo a cada manhã
minhas duas gatas a dormir
no tapete vermelho da sala
minha filha entrando
pela casa com as amigas
enchendo a casa de alegria
foi um tempo lindo
tinha tudo ali...
conforto, pessoas, animais,
coisas abstratas e concretas
menos o calor humano
existia ali.

Maria Jeremias dos Santos
Postar um comentário