VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

domingo, 15 de novembro de 2015

A favela é o quarto de despejo de uma cidade


Eu denomino que a favela é o quarto de despejo de uma cidade. Nós, os pobres, somos os trastes velhos. A metáfora é forte e só poderia ser construída dessa forma, em primeira pessoa, por alguém que viveu essa condição. Relatos como este foram descobertos no final da década de 1950 nos diários da escritora Carolina Maria de Jesus (1914-1977). Moradora da favela do Canindé, zona norte de São Paulo, ela trabalhava como catadora e registrava o cotidiano da comunidade em cadernos que encontrava no lixo. Ela é considerada uma das primeiras e mais importantes escritoras negras do Brasil.
Nascida em Sacramento (MG), Carolina mudou-se para a capital paulista em 1947, momento em que surgiam as primeiras favelas na cidade. Apesar do pouco estudo, tendo cursado apenas as séries iniciais do primário, ela reunia em casa mais de 20 cadernos com testemunhos sobre o cotidiano da favela, um dos quais deu origem ao livro “Quarto de Despejo: Diário de uma Favelada”, publicado em 1960. Após o lançamento, seguiram-se três edições, com um total de 100 mil exemplares vendidos, tradução para 13 idiomas e vendas em mais de 40 países.
Carolina Maria de Jesus publicou ainda o romance Pedaços de Fome e o livro “Provérbios”, ambos em 1963. De acordo com Audálio, todos esses títulos foram custeados por ela e não tiveram vendas significativas. Após a morte da escritora, em 1977, foram publicados o Diário de Bitita, com recordações da infância e da juventude; Um Brasil para Brasileiros (1982); Meu Estranho Diário; e Antologia Pessoal (1996).
Fonte http://educacao.uol.com.br

DIA 29 DE NOVEMBRO DE 2015  TEM SARAU DO BECO NO JABAQUARA- SP


Em tributo à escritora brasileira Carolina Maria de Jesus , o Sarau Matinal Beco dos Poetas realiza um sarau em homenagem à sua historia vivida e compartilhada entre vidas de muitas "Carolinas do Brasil."
Na semana da Consciência Negra venha fazer essa homenagem com a gente, traga sua poesia.

Segue o endereço da Poesia em São Paulo- SP
* Sarau do Beco é um dos poucos saraus que acontece pela manhã e aos domingos em SP- Capital.



Entrada gratuita e café para finalizar o evento aos participantes do Sarau do Beco.
Postar um comentário