VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

sexta-feira, 3 de abril de 2015

Vive sem horas



Vive sem horas.
 Quanto mede pesa,
E quanto pensas mede.
 Num fluido incerto nexo, 
como o rio Cujas ondas são ele,
 Assim teus dias vê, e se te vires 

Passar, como a outrem, cala.
 

Ricardo Reis
Postar um comentário